» » Bloqueio dos caminhoneiros vai para o segundo dia em RO em protesto contra o preço do diesel


BR-364 foi interditada por caminhoneiros na manhã da terça-feira (22), em protesto contra o aumento do preço do combustível. Na manhã desta quarta-feira (23), as BR-319 e BR-429 também foram interditadas. Os bloqueios já acontecem em 11 pontos em municípios de Rondônia. A manifestação está sendo realizada em diversos estados do Brasil.
Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), não há registro de conflito nas áreas interditadas. Foram montados bloqueios em Porto Velho, Candeias do Jamari, Ariquemes, Jaru, Ouro Preto do Oeste, Ji-Paraná, Cacoal, Pimenta Bueno, São Miguel do Guaporé e Vilhena.
Nos pontos de manifestação, os caminhoneiros montaram barricadas de pneus e estão barrando o tráfego de caminhões, com passagem permitida apenas para ônibus, carros pequenos, ambulâncias e caminhões com cargas vivas e perecíveis.
BR-364
Candeias do Jamari: km 693
Ariquemes: 515 km
Jaru: km 423
Ouro Preto do Oeste: km 387
Ji-Paraná: km 336
Cacoal: km 236
Pimenta Bueno: km 191
Vilhena: km 27
Vilhena: km 7
BR-319
Porto Velho: Trevo do Roque
BR-429
São Miguel do Guaporé: Próximo a Linha 78
Protestos
As manifestações dos caminhoneiros tiveram início em todo o país na última segunda-feira (21) após o anúncio do aumento de 0,97% do preço diesel nas refinarias. Na semana passada, os preços tiveram cinco reajustes diários.


Fonte: G1RO

Rádio Interativa

Só o Melhor da Musica Brasileira e Intenacional, 24 Horas no AR !!! A Rádio Interativa é uma emissora na Internet com 2 Anos no ar, localizada na cidade de Guajará-Mirim,Ro. sempre levando aos seus ouvintes uma programação. e atendendo a todos os gostos, com mensagens e pensamentos positivos para o seu dia a dia e programas prestadores de serviços, lazer, diversão e cultura. Nossa equipe é formada por voluntários que não medem esforços para levar até você uma programação diversificada, contagiante e fazer uma comunicação a serviço da vida.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Deixe uma resposta