Além de dono de ferro velho, também foram presos dois suspeitos do assassinato e a esposa de um deles. Crime aconteceu no feriado de 20 de setembro do ano passado, em Canoas.
O proprietário de um ferro velho, de 22 anos, foi preso na manhã deste sábado (27) em São Pedro do Sul, Região Central do Rio Grande do Sul, por suspeita de mandar matar um funcionário do estabelecimento para não pagar uma dívida trabalhista.
Dois suspeitos do assassinato, e a esposa de um deles, foram presos no mesmo dia em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, onde fica o ferro velho.
Segundo a Polícia Civil, o crime aconteceu no feriado de 20 de setembro do ano passado, em Canoas. A vítima, de 18 anos, foi levada de carro até a BR-448, onde foi morta a tiros e facadas por dois homens, de 19 e 36 anos. Eles foram encontrados pela polícia no bairro Mathias Velho.

Fonte: Mais Rondônia