O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) orienta que os brasileiros que tiveram o título de eleitor cancelado se dirijam até um cartório eleitoral para regularizar a situação com a Justiça Eleitoral.

Do total de 2,6 milhões de eleitores nesta situação, somente 121.074 regularizaram o documento (4,5%).

O prazo terminou na última segunda-feira (6). Os eleitores que não justificaram a ausência em três eleições seguidas tiveram o documento cancelado.

Clique aqui para ver a situação do seu título de eleitor

O eleitor irregular deve comparecer a um cartório eleitoral e apresentar um documento de identificação, comprovante de residência e preencher a RAE (Requerimento de Alistamento Eleitoral).

Em seguida, pagar a multa no valor de R$ 3,51 por turno faltante e aguardar até o reinício das atualizações de cadastro do banco de dados da Justiça Eleitoral.


Fonte: R7