Ele foi preso e levado para a Central de Flagrantes 
Menina teve queimaduras de 1° e 2° graus nas pernas, em Porto Velho — Foto: Arquivo Pessoal
Menina teve queimaduras de 1° e 2° graus nas pernas, em Porto Velho — Foto: Arquivo Pessoal

Um homem de 38 anos foi preso na madrugada deste domingo (15) após tentar matar queimados a enteada de 12, a sogra de 52, e o cunhado de 29 anos em uma vila de apartamentos na Rua Goiatuba, bairro Jardim Santana, zona Leste de Porto Velho (RO). 

De acordo com informações da polícia, a mulher do suspeito, que tem 32 anos, disse que o marido estava ingerindo bebida alcoólica desde às 17h e por essa razão foi dormir na residência de uma amiga nas proximidades por medo dele, que se torna muito agressivo quando fica embriagado. 

Já durante a madrugada, a mulher foi informada de que o marido estava quebrando tudo dentro de casa e ameaçando incendiar os móveis e o apartamento. 

A mulher então chamou a mãe dela, o irmão e a filha para irem com ela no local. Com a chegada das vítimas, o suspeito de imediato jogou gasolina na sogra, na enteada e no cunhado e acendeu fogo. As vítimas saíram correndo, mas a criança sofreu queimaduras de 1° 2 ° graus nas pernas. 

As outras vítimas tiveram queimaduras com menor gravidade. A Polícia Militar foi acionada e prendeu o homem, que ainda ameaçava matar a esposa. Ele foi encaminhado para a Central de Flagrantes. A criançateve de ficar internada na UPA da zona Leste