Porto Velho, RO - Vídeos mostram estudantes ateando fogo no coletivo que faz a linha até a Vila Dnit .Na noite de ontem, por volta das 21 horas, jovens ainda usando farda de escola atearam fogo em um coletivo que fazia a linha até a Vila Dnit, na ponte sobre o rio Madeira, na zona Norte da capital. 
Segundo testemunhas, os trio pegou o ônibus na Imigrantes (BR-319) e determinou a parada do coletivo na travessia da ponte, rendendo o motorista e um cobrador, colocando pra fora todos os ocupantes antes de atear fogo no veículo com gasolina.
Três vídeos que estão circulando na internet mostram o momento exato da ação criminosa e pelas imagens nota-se que dois jovens envolvidos estão com farda escolar (provavelmente do Padre Moretti e do Duque de Caxias). 
Em um dos vídeos, o envolvido que faz as imagens diz: “Fogo no Busão. Tudo Dois. Passa nada”, que seria um código para identificar a facção criminosa a que pertencem como forma de intimidar as autoridades. 
Os Bombeiros militares estiveram no local e apagaram o incêndio. Segundo a Polícia, os acusados deixaram uma carta com o motorista alertando as autoridades sobre a opressão nos presídios, Milton Soares de Carvalho (470) e Jorge Afonso, o 603. 
Na carta, eles dizem que se as autoridades não fizerem nada, haverá mais ataques.





Fonte: O OBSERVADOR