Em resposta a ofícios da Câmara Municipal à Companhia de Água e Esgotos de Rondônia (Caerd) cobrando soluções para os reclames da população acerca das constantes faltas de água na cidade, o presidente da estatal José Irineu Cardoso esteve na Casa Legislativa de Guajará-Mirim na manhã de sexta-feira (08), onde na companhia da chefe do escritório local, Creuzalina Ângela, fizeram uma prestação de contas da atuação da Companhia no âmbito municipal.
Neste balanço, Irineu Cardoso explicou os porquês das faltas do precioso líquido e elencou uma série de serviços em vias de se implantar na cidade em futuro próximo. O presidente da Caerd realçou que vem tentando trabalhar no sentido de estancar os problemas na rede de recursos hídricos visando melhorar o sistema, estender os canais de água tratada para bairros que não possuem agua de forma potável, ampliar a canalização de detritos para os locais não agraciados com o sistema e recompor o asfalto em algumas avenidas da cidade que foram destruídos em razão de reparos na rede de água e esgoto.
Não obstante, o presidente da Companhia de águas disse reconhecer que a estatal não tem cumprido com o programa de metas embutidas no contrato com a cidade, mas que nesta questão, o diálogo é ainda a melhor saída ante os impasses e conflitos surgidos.
Ao final da reunião, o presidente da Câmara, advogado Sérgio Bouez (PSB), anfitrião do encontro, agradeceu a visita do presidente da Caerd, ressaltou a importância da presteza dos informes e explicações trazidas e colocou o Parlamento guajaramirense à disposição da Companhia para qualquer tipo de ajuda que se fizer preciso no intuito daquilo que resultar em melhorias para a população.
Informal e a mesmo tempo protocolar, o encontro também contou com a participação dos vereadores Augustinho Figueiredo (PDT), João Vanderlei (PSDC) e Roberto do Mercado (PMN). Fotos foram tiradas no local.