Mais de 10 toneladas de alimentos foram apreendidos, 65 pessoas foram detidas e três veículos foram recuperados durante a "Operação Fronteira Fechada - Combate a Covid-19", realizada na região da divisa com a Bolívia em Guajará-Mirim (RO).
O balanço foi divulgado pela Polícia Federal esta semana e reúne resultados das ações realizadas entre os dias 16 de março de 30 de abril. Quase 170 agentes participaram dos trabalhos.
Neste período, 65 pessoas foram detidas, 19 pessoas foram deportadas, 2 pessoas foram presas devido a mandados de prisão, 6 veículos adulterados foram encontrados e 4 veículos foram recuperados.
Também foram apreendidos:
10.880 quilos de alimentos;
R$ 29.570 em dinheiro;
3 veículos
455 litros de combustível;
5 armas longas (espingardas);
53 munições;
450 quilos de agrotóxicos;
15 m³ de madeira;
5 barcos de madeira;
4 motores de barco;
11.500 maços de cigarros;
8.700 unidades de mercadorias contrabandeadas;
876 peças de confecções em geral;
328 lanternas;
37 unidades de medicamentos.
A Operação Fronteira Fechada, que é coordenada pelo delegado Luiz Silveira, tem a participação de 40 policiais federais; 40 militares do Exército Brasileiro; 48 policiais rodoviários federais; 7 agentes da Força Nacional de Segurança; 24 agentes do Batalhão de Polícia de Fronteira e Divisas; e 6 agentes da Unidade Especializada de Fronteira (Unesfron).
As equipes contam ainda com 5 embarcações e 23 veículos para realizar patrulhamento na região de fronteira.

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem