Presidente dos EUA foi até um templo que foi vandalizado durante as manifestações dos últimos dias

Em um movimento histórico, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, deixou a Casa Branca na segunda-feira (1°) e, com uma Bíblia nas mãos, cruzou a praça onde dezenas de manifestantes se reuniram nos últimos três dias.

Trump caminhou até chegar a uma igreja vandalizada e incendiada durante os protestos raciais que sacudiram a capital americana após a morte de George Floyd em Minneapolis.

O fato aconteceu após o presidente se dirigir à nação com uma mensagem anunciando a utilização da Guarda Nacional para conter os protestos que se espalharam pelo país.

Na ocasião, Trump caminhou até a Praça Lafayette, em frente ao palácio presidencial, e foi à Igreja Episcopal St. John’s, localizada em uma esquina próxima à Casa Branca.

*Com informações da Agência EFE

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem