Fernando Furlan agora é assessor no STF e tem salário de R$ 25 mil

Ex-ministro Fernando Furlan foi flagrado furtando cones Foto: Reprodução

Câmeras de segurança registraram o momento em que o ex-ministro de Dilma Rousseff, Fernando de Magalhães Furlan, aparece furtando dois cones que estavam em um estacionamento no Distrito Federal, em Brasília.

Furlan comandou interinamente o Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comercio Exterior por cerca de um ano. Atualmente, ele é assessor judiciário no Supremo Tribunal Federal (STF) e tem salário de mais de R$ 25 mil.

Nas imagens, obtidas pelo Correio Braziliense, Furlan aparece colocando dois cones no porta-malas de seu carro, na manhã do último sábado (22). Ele é investigado pela Polícia Civil do Distrito Federal por furto.

As imagens foram parar na polícia após a administração do prédio denunciar o caso. Furlan foi ouvido na delegacia nesta segunda-feira (24). Ao delegado, ele afirmou que pegou os cones “emprestados” para ajudar a filha que está aprendendo a dirigir. Furlan também disse que devolveria os objetos quando terminasse.

– Minha filha está aprendendo a dirigir e peguei os cones emprestados, dentro da própria quadra apenas para que ela treinasse a baliza. Não tinha a intenção de ficar com os cones e iria devolvê-los em seguida, como devolvi – disse.


Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem